terça-feira, 21 de maio de 2013

Los Angeles (Família Walsh #3) - Marian Keyes



Sinopse Oficial


Maggie sempre foi uma anjinha, a cria mais certinha da complicada (e engraçadíssima) família Walsh... até se cansar de andar na linha e mandar todas as regras que a prendiam a um dia-a-dia em sal (e muito menos açúcar) às favas - a começar pelo casamento (que, para o bem da verdade, nunca havia realmente engrenado) e o trabalho bitolante numa firma de advocacia. Ao largar essa vida em preto e branco no passado, Maggie decide se mandar para o lugar onde a realidade promete ser em Technicolor: Hollywood, claro! Terra do glamour, da liberdade, da beleza (até as palmeiras das calçadas são magras), da luxúria e, obviamente, da diversão! Em Los Angeles, o sexto romance de Marian Keyes, a consagrada autora de "Melancia" e "É Agora... Ou Nunca", acompanhamos Maggie Walsh em sua busca por um sentido na vida em meio às calçadas estreladas de Hollywood, os subúrbios sofisticados de L.A., o bronzeado deslumbrante que só se consegue nas praias da Califórnia, vários martínis, algumas decepções... e muitas risadas, claro. Ao se hospedar com sua melhor amiga, Emily, uma pretendente a roteirista, Maggie começa a fazer coisas que jamais fizera antes: se infiltra em grupinhos de estrelas de Hollywood (mesmo que do segundo escalão), usa meias-calças na cabeça para firmar o penteado, se especializa em ser cara-de- pau profissional para realizar apresentações de roteiros a grandes (ou nem tanto) produtores... Mas será que em meio a tanta aventura, drama e comédia pastelão haverá espaço para um romance - daqueles bem cafonas e açucarados (ou seja, os melhores de todos)? Para o Daily Mail, "ler um romance de Marian Keyes é como estar à mesa com um grande amigo, aquele a quem você faz confidências, enquanto ele coloca você a par das novidades e das suas paqueras".



-


"Senti como se eu estivesse caindo, e pareceu que eu ia continuar caindo para sempre. Então, de repente eu me forcei a parar. E descobri mais uma coisa. Não ia fazer aquilo.  Não ia aguentar observar a espiral descendente do meu casamento começar a sugar outras pessoas e fazê-las gritar loucamente em seu vórtice." Pág 23

-

Um casamento destruído e um emprego arruinado. É assim que Maggie Walsh vê sua vida nos últimos dias. Com uma traição do marido (até então PERFEITO) Garv, ela se vê sem rumo e, com isso, prejudica sua carreira, que vai por água a baixo. E o que lhe resta? Tirar férias de tudo isso, é claro! E por convite de sua grande amiga Emily (uma aspirante a cineasta que tem sempre seus roteiros recusados pelas produtoras de cinema) Maggie vai parar em nada menos que Los Angeles, o lugar onde tudo e todos acontecem! 

E assim, Maggie, em plena Hollywood, decide se aventurar nas mais doidas festas. E claro, com Emily a tiracolo, afinal, qual produtora não conhece todos os aspirantes a atores  e diretores? 


Margaret (ou Maggie, como preferirem) conhecerá inúmeras pessoas da indústria cinematográfica e, com a ajuda da deslumbrante Lara e de Emily, ganhará um belo bronzeado (afinal, estamos em Los Angeles e não mais na Irlanda, cidade natal de Maggie), comprará bolsas e sapatos como ninguém (usando seu bom e velho fundo para compra de supérfluos femininos) e vai com tudo badalar noite afora! Em meio às festanças, nossa heroína conhece Troy, um charmoso homem que logo balançará o seu coração machucado. E entre baladas, muita praia e pré-estreias cinematográficas, Maggie ainda terá que enfrentar sua família, que passará alguns dias em Hollywood e claro... Garv! 


E aí, como será que nossa heroína vai se sair? O negócio é ler para descobrir, queridos à toas! ^^


Considerações Finais


Livro bacana, queridos à toas! Com passagens muito engraçadas, ele garante boas horas de diversão virando as páginas. Dou destaque a Emily, melhor amiga de Maggie, muito cômica! Também gostei da participação dos "Cavanhaque Boys" (vocês saberão quem são lendo o livro, rs).

Porém, para quem não curte o estilo chick-lit, fuja desse livro. Com certeza ele não agradará você! 


A narração é feita em 1ªpessoa, sob o ponto de vista de Maggie. A capa, assim como em todos os livros da Marian, é linda, com desenhos em relevo e em cores bem vivas! A cada capa da Marian me apaixono mais rs


Se você quer um livro que mescla um pouquinho de humor com romance e claro, lições para se guardar a vida toda, leia sim este livro! E veja o que Maggie aprontou em Los Angeles!


Outras Informações

Coleção "Marian Keyes"

1- Melancia;
2- Férias;
3- Sushi;
4- Casório?!;
5- É agora...ou nunca;
6- Los Angeles;
7-Um bestseller pra chamar de meu;
8- Tem alguém aí?;
9- Cheio de charme;
10- A estrela mais brilhante do céu.


KEYES, Marian, Los Angeles. Bertrand Brasil, 2007. (Angels). 490 p.




 CAPA: 5 de 5
                                                    EVOLUÇÃO: 4 de 5
                                                    NARRAÇÃO: 4 de 5











Reações:

6 comentários:

  1. Oi Paula :)

    Não é novidade para ninguém que eu sou completamente louco pela Marian, falta apenas 3 livros para mim completar a coleção dela, eu tenho Los Angeles só que ainda não li porque quero comprar Férias porque quero ler a série da Família Walsh em ordem, realmente as capas dos livros dela são mais que perfeitas kkkkkk iguai a sua resenha :D beijos !!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Gabriel,

    Aaaah vc é dos meus, fã da Marian, rs... aaaaah meu anjo, obrigada pelo elogio da resenha, espero q vc tenha se divertido com ela ^^

    Eu não costumo ler os livros da família Walsh em ordem, mas, mesmo assim, costumo me divertir muito, viu! rs

    Bjão pra ti, querido!

    ResponderExcluir
  3. Não li nenhum livro da autora por enquanto, mas um dia quem sabe!

    ResponderExcluir
  4. A sua resenha ficou muito boa Paula-chan. Mesmo ainda não tendo lido nenhum livro da Marian, eu consigo me identificar c/ as histórias dela. Sei que quando pegar um livro dela para ler vou ter momentos felizes de gargalhada. Rsrsrrs...
    Ahhhh Los Angeles. Quem não quer passar as férias nesse lugar quente e paradisíaco?
    Diferente de Melancia (que li a resenha em algum lugar que não me lembro hehe) esse livro deve ser muito melhor por não ter aquele ar deprimente ou sofredor. Acho que deve ter no começo, mas depois se extingui. Enfim, desejo muito ler esse livro e quero, até o final do ano que vem, ter a minha coleção dos livros da Marian.
    Bjs Paula-chan *-*

    http://peregrinodanoite.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Marian Keyes sempre engraçada em seus livros.adoro

    http://melanciapink.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. os livros é tipo uma série? ou posso ler eles sem sequencia? oaia

    ResponderExcluir

Pessoal, vou respondendo os comentários no próprio blog de quem o deixou, ou pelo Twitter, podem ter certeza que vou respondendo assim que puder. Grande abraço e obrigado pela participação :D