quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

A agenda- João Varella


Sinopse

"Sandra Macedo é uma alta executiva de marketing. Obstinada e competente, sua eficiência é reconhecida pelos funcionários e pela diretoria da holding onde trabalha. Exemplo de mulher bem-sucedida, Sandra vive atolada entre as obrigações profissionais e uma filha que não lhe dá muita atenção. Em meio a essa correria, fica difícil dedicar um tempo ao lado afetivo. Assim, ela acaba se envolvendo com pessoas que podem comprometer sua carreira e sua saúde emocional. A não ser que ela deixe de ser a menininha que, no fundo, continua sendo..."


-


"Maquiagem borrada, óculos escuros e nariz fungante. Sandra não parecia nada bem quando entrou no departamento de marketing da GT naquela tarde." Pág. 39


"O clima no apartamento de Sandra não parecia em nada com as amenidades trocadas com Felipe na tarde do mesmo dia. Solitária.
Engraçado o Felipe." Pág. 79


-



Enredo sutil, trama envolvente. Isso traduz muito bem o livro "A agenda", obra de estreia do promissor autor João Varella. Nesta obra temos a oportunidade de conhecer Sandra, que é diretora de marketing da empresa Germano Thomas S.A, e que possui grande prestígio dentro da corporação. Decidida, ágil e sempre muito bem preparada para qualquer situação, Sandra dedicou-se intensamente ao seu trabalho... porém deixou algumas lacunas vazias em sua vida.

Um bom exemplo disso é sua filha Andressa, com quem hoje ela não se relaciona bem. Andressa faz intercâmbio no estrangeiro e pouco fala com a mãe.

Outra lacuna na vida de Sandra deve-se aos desencontros amorosos que ela possui. Ora por caras mais novos, ora por caras mais velhos, ora por caras desocupados ou sem expectativas, enfim...a vida sentimental de Sandra é um caos total.

Tudo o que Sandra faz (dentre seus compromissos pessoais e profissionais) é anotado em sua preciosa agenda, item que ela guarda a sete chaves e é seu bem maior. Mas tudo muda quando essa tal agenda é perdida em meio a uma manhã turbulenta e cheia de contratempos. 

Do lado oposto dessa história temos Carrano, um poeta fracassado que tenta ganhar a vida com seus versos e ainda tem que suportar a barra de criar sozinho seu sobrinho Binho, um adolescente de 15 anos que possui o mínimo de relacionamento com seu tio. Ao contrário de Sandra, que possui muito luxo, bens caros e itens de grande valor, carrano vive aos trancos e barrancos, com o mínimo de dinheiro que consegue com seu emprego de poeta. E, em meio a uma manhã qualquer, ele encontra um item: uma agenda, a agenda de Sandra.

A partir daí a vida destes dois se intercalarão e o destino tratará de aproximá-los...mas o que esse encontro reserva? O que carrano fará com a agenda de Sandra? E Sandra, conseguirá recuperar sua preciosa agenda? Que segredos este material carrega?

Dentre essas e muitas outras dúvidas, o bom mesmo é ler este livro, que nos mostrará que nem sempre tudo é o que parece ser. E que as pessoas podem te surpreender a cada instante. 



Considerações Finais



Bom livro, bom livro à toas. O autor, João Varella (e pasmem, este é seu livro de estreia! Nem parece, tamanha a forma como ele se expressa bem e como conseguiu um bom desenrolar dos fatos narrados) nos apresenta pensamentos muito familiares, daqueles que sempre tivemos, mas nunca tivemos coragem de contar a alguém ou mesmo de confessar num diário super secreto. Suas frases são, em sua maioria, sucintas e curtas, mas com um bom vocabulário e palavras (muitas delas) pouco utilizadas em nosso dia-a-dia, o que dá um charme a mais na obra. 

O livro é narrado na terceira pessoa,com narrador onisciente (não participa, mas sabe de tudo o que acontece na trama), com fatos bem contados e conversas entre as personagens bem corriqueiras, dando aquele ar de intimidade entre elas, sabe? De repente, nos sentimos conversando com uma vizinha ou amiga...

Gostei da capa também; simples, porém bonita. Apesar de, sinceramente, preferir capas de outros livros que li, rs, maaaaaas: este é o típico livro que não se pode julgar pela capa, garanto!

Algumas coisas me deixaram meio que "sem reação" no livro:

- Achei que a relação entre Sandra e sua filha deveria ter sido mais explorada;
- Os romances da personagem principal, ao meu ponto de vista, acabaram meio que "sem pé nem cabeça", achei um pouco estranho;
- O final do livro (que não contarei aqui) foi uma avalanche de emoções para mim: de algumas coisas realmente gostei mas, de outras...huuum, não foi bem o que eu esperava, entendem? Fiquei com aquela sensação de "E aí, será que sai o segundo volume para me explicar certas coisas?", rs

Mas, mesmo com isso, recomendo a leitura! Livro leve, com passagens muito engraçadas, sacadas poéticas e acontecimentos que nos fazem pensar melhor em nosso dia-a-dia e como encaramos certas adversidades e contratempos... 3 estrelinhas pra ele!


Título: A agenda
Subtítulo:O acaso tem suas próprias regras
Edição: 1
ISBN: 9788581632926
Editora: Novo Conceito
Ano: 2013
Páginas: 234






Reações:

Um comentário:

  1. Gosto muito da capa deste livro, achei simples mas muito bonita! Antes tinha lido muitas resenhas negativas, mas a sua me deixou curiosa. Parece ser uma boa leitura, bem leve e com muitas coisas engraçadas. Apesar dos pontos negativos, acho que leria também. :)
    beijos

    ResponderExcluir

Pessoal, vou respondendo os comentários no próprio blog de quem o deixou, ou pelo Twitter, podem ter certeza que vou respondendo assim que puder. Grande abraço e obrigado pela participação :D